CAMPEONATO....

 

 

Governo de Minas apoia 

Circuito Mineiro  Escolar 

 

Em Contagem, Federação Mineira de Xadrez

realiza sua última etapa 

 

 

*Jornalista (JP)* 

Frederico Gazel

FENAJ:15.423 - MG (SJPMG)

*Cobertura* 

 

                O aprendizado aliado à força de vencer foi um dos ingredientes principais de diversos alunos de todo o Estado. Em busca pelo título de “Campeão Mineiro Escolar”, jovens e crianças de todas as idades inscritas na rede escolar promoveram um grande encontro nas dependências do SESC Contagem, na região da grande BH. No ginásio, mais de 300 atletas participantes, disputando a competição que teve início às 09hs e 30min do último sábado 07 de Julho.

            O evento teve a organização da Federação Mineira de Xadrez (FMX), a promoção do Governo de Minas através da Secretaria Estadual de Esportes e Juventude (SEEJ), e contou com o apoio também do Ex-Presidente da Associação Mineira das Federações Esportivas (AMIFE), Paulo Sérgio de Oliveira e do Vereador Heleno de Abreu (PHS), idealizador do Projeto Xadrez nas Escolas.    

            Os atletas disputaram suas partidas em categorias de 1ª a 9ª séries do Ensino Fundamental e do 1º ao 3º ano do Ensino Médio. Com tempo de jogo de 15’min para cada jogador, todos jogaram 5 partidas decidindo o campeão na somatória de pontos corridos.

Além do tradicional troféu para o campeão e a premiação de medalhas do 2º ao 10º lugar como em todas as etapas do Circuito, todos os atletas participantes ganharam camisas do circuito como forma de incentivo. Ainda assim, foram oferecidos mais de 2mil lanches para as crianças, pais, familiares e técnicos.

            Desde o ano passado até o primeiro semestre deste ano, a entidade realizou 6 etapas em diversas escolas de Belo Horizonte e região com média acima de 200 atletas em cada etapa. Para a FMX, este Circuito foi uma grande oportunidade para os atletas que puderam medir suas forças além de proporcionar dois momentos de lazer e aprendizado. Na abertura, a presidente da entidade, Luciane Sepúlveda, aproveitou a oportunidade para agradecer o apoio da SEEJ, dos parceiros do circuito, dos pais técnicos e professores, e todas as escolas que abriram as portas para a FMX realizar suas etapas.

Fotos e resultados do torneio podem ser vistos em  www.fmx.org.br

 

 

 

CAMPEONATO...

 

Grande Final do Circuito

Mineiro acontece em Julho

 

Última etapa fecha ciclo no primeiro semestre escolar

 

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

FENAJ:15.423-MG (SJPMG)

 

                Mesas, cadeiras, dirigente, árbitros e o tradicional xadrez. Tudo pronto para a Grande Final do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar vai acontecer no dia 7 de julho. Com grande estrutura, a fase FINAL do concorrido campeonato de xadrez de base acontece no município de Contagem, na região metropolitana da capital. Crianças e alunos de todas as idades e de diversas regiões do Estado farão uma disputa acirrada dentro dos tabuleiros. O evento acontece no sábado, ás 10hs no clube do SESC do Bairro Novo Riacho.

            Desde a primeira etapa do Circuito Mineiro no dia 12 de Novembro de 2011, a Federação Mineira de Xadrez (FMX), concluiu 6 meses de etapas nas mais diversas escolas da região metropolitana de Belo Horizonte. Para a entidade, este evento será uma grande oportunidade de unir todos os participantes das etapas e fazer uma grande festa do xadrez escolar. “É muito importante a presença de todos, pois vamos realizar um verdadeiro encontro do xadrez de base, e com isso, teremos uma chance de mostrarmos a força que nossos jovens tem neste esporte, e como o projeto do Xadrez nas Escolas tem fortificado cada vez mais.” contou Luciane Sepúlveda, presidente da FMX.

            O evento é aberto para os atletas e todos os visitantes, pais, familiares, técnicos e professores. Os jogadores participantes devem estar matriculados nas escolas entre as séries de 1ª a 9ª do Ensino Fundamental e do 1º ano ao 3º do Ensino Médio. As crianças vão medir suas forças com o tempo de 15 minutos para cada um, sendo 5 partidas para todos no sistema schuring (pontos corridos). Os atletas campeões ganharão troféu, sendo premiado também os de 2º a 10º lugares com medalhas.

            As inscrições da última etapa do Circuito Escolar são gratuitas e devem ser feitas no prazo até 23:59 do dia 03 de Julho através do www.fmx.org.br no link “Inscrição On-line”. As inscrições de delegações escolares, ou de grupos, devem ser feitas pelo e-mail contato@fmx.org.br

TREINAMENTO...

 

Equipe Mineira de Xadrez realiza

treinamento em fim de semana

 

Em dois dias, grupo se reúne para

exercitar a prática e conceitos do esporte

 

 

Jornalista (JP)

Frederico Gazel

FENAJ:15.423-MG (SJPMG)

 

                Nos dias 26 e 27 de Maio, o seleto grupo do projeto Equipe Mineira de Xadrez participou de treinamentos para o aprimoramento das técnicas de competições e eventos. Os treinos aconteceram em dois polos: Em Belo Horizonte e em São Sebastião do Paraíso, no Sul de Minas.

            Os 16 atletas, de categorias da divisão de base e adulta assistiram a palestras realizadas por professores, técnicos e mestre de xadrez, que contaram com elementos de tática, estratégia e até mesmo preparação para torneios. Em Belo Horizonte, os palestrantes, Professor Julio Lapertosa, e o Mestre Internacional (MI) Roberto Molina e o Grande Mestre de Xadrez (GM) Darcy Lima mostraram aos atletas as nuances do jogo.

        O atleta e Mestre FIDE (MF) Arthut Chiari, disse ter sido uma excelente experiência e que aprendeu varias coias. “ Achei o treinamento muito interessante, porque possibilitou termos aulas com fortes mestres como o Darcy Lima e o Roberto Molina. O treinamento contribuiu principalmente para melhorar nossa percepção do jogo estratégia posicional” contou o jovem Arthur de apenas 15 anos integrante da equipe adulta.

        Já no outro lado do Estado, em S.S. do Paraíso, o professor Gérson Peres Batista juntamente com o GM Everaldo Matsuura repassaram suas experiências e dicas para o aperfeiçoamento dos integrantes da equipe.Os professores Julio Lapertosa, Gérson Peres e o MI Roberto Molina, treinam a categoria de base, enquanto os GM’s Everaldo Matsuura e Darcy Lima a equipe adulta. Todos através de aulas online com recursos de áudio e de softwares. Relembre quem são os atletas que compõem a Equipe Mineira de Xadrez

 

 

Absoluto >>

Erlon Cesar Braghini; Gerson Peres Batista; João Paulo Cassemiro Marques                                         Frederico Gazel; Arthur Gontijo Chiari; Lucas Crespo

SuB-18 –M/F

Gabriel Marques Pereira

Mariana Ribeiro Teixeira.

SuB-16 –M/F

Igor Silva Mota Esteves

Fernanda Rodrigues

SuB-14 –M/F

Ezequias Morais de Lima

Amanda Cordeiro

SuB-12 –M/F

Gênesis Martins Borges

Marina Martins de Aguiar

SuB-10 –M/F

Lucas Pereira Rocha

Ana Clara Silva Gonçalves

 

 

 

CIRCUITO MINEIRO ESCOLAR...

 

Com apoio do Estado

Federação Mineira de Xadrez

realiza etapa do Circuito Mineiro Escolar

 

Cidades do interior prestigiam xadrez

de base em Belo Horizonte

 

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRTJP:15423-MG (SJPMG-FENAJ)

 

                Com parceria entre o Governo de Minas, através da Secretaria Estadual de Esportes e Juventude (SEEJ) e a Federação Mineira de Xadrez, realizou-se no dia 12 deste mês mais uma etapa do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar. A Escola Estadual Deputado Manoel Costa, localizada na região noroeste de BH, foi palco dos quase 200 alunos que participaram pela 5ª etapa do Circuito.

               Em dia ensolarado do sábado em que antecedeu o “dia das mães”, a quadra da escola ficou coberta não só de crianças e jovens, mas também da família dos atletas e suas mães. Muitas até vindas de cidades como São Gonçalo do Rio Abaixo, Formiga, Contagem e demais municípios da grande BH que prestigiaram a prova. Para a Federação Mineira de Xadrez, estes eventos trazem além de um cunho técnico, uma aproximação entre os atletas e seus familiares. “É uma oportunidade também da família estar presente, acompanhando de perto as emoções dos filhos no esporte”, garantiu a Presidente da instituição Luciane Sepúlveda.

            Entraram na disputa crianças de 8 a 18 anos, inscritos em escolas da rede pública e da rede particular de ensino. Os atletas foram divididos em suas respectivas categorias relacionados às séries que foram da 1ª série do fundamental até ao 3º ano do ensino médio. Um dos campeões foi Gênesis Martins Borges da E.E. Pândia Calógeras de Belo Horizonte. O jovem que disputou na categoria acima da sua série, venceu todos os 5 concorrentes da categoria E (ensino médio) ao fazer 100% de aproveitamento. O jovem que já havia conquistado o primeiro posto na 4ª etapa, faz parte da divisão de base do seleto grupo da Equipe Mineira de Xadrez, projeto que tem o apoio da Secretaria Estadual de Esportes e Juventude (SEEJ). Os melhores colocados foram premiados em medalhas do 2º ao 10º lugares e troféus para cada campeão das categorias. A supervisão da arbitragem ficou a cargo do Árbitro e Diretor Técnico Wagner Terenzi. Os demais campeões e todos os resultados, podem ser visto no link abaixo:


 


                    

RESULTADOS:

http://www.fmx.org.br/cariboost_files/cmxe_2012_manoel_resultados.htm

 

Veja também:

 

FOTOS:

http://www.fmx.org.br/crbst_47.html

 

 

CIRCUITO MINEIRO4ª ETAPA...

 

 

Pela 4ª etapa, Federação Mineira de

Xadrez realiza Circuito Mineiro Escolar

 

Com apoio do Estado, crianças e jovens

disputam mais um grande festival

 

Presidente da FMX - Luciane Sepúlveda e o Vereador

Heleno de Abreu - E.M. Mestre Ataíde, 14 de abril

    (Foto: FMX)

 

*Jornalista (JP)

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRTJP:15.423-MG - (SJPMG-FENAJ)

 

                Sucesso entre participantes, mais de 130 crianças disputaram a 4ª etapa do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar. Crianças de outros municípios e da região metropolitana de BH, promoveram um grande encontro no ginásio da Escola Municipal Mestre Ataíde, região oeste. O evento que foi realizado neste final de semana, 14, é patrocinado pela Secretaria Estadual de Esportes e Juventude (SEEJ) e contou também com o apoio do Ex-Presidente da Associação Mineira das Federações Esportivas (AMIFE), Paulo Sérgio de Oliveira e do Vereador Heleno de Abreu (PHS), idealizador do Projeto Xadrez nas Escolas.

                Segundo a Presidente da Federação Mineira de Xadrez Luciane Sepúlveda, estas etapas somam vários benefícios para os atletas. “ O circuito  é uma continuação do Xadrez nas Escolas onde as crianças tem a oportunidade de testar seus conhecimentos e fazer novas amizades num ambiente sadio e familiar” avaliou. Dos resultados da competição, na categoria C, a jovem Ana Clara Silva Gonçalves de  Itaúna/MG, conquistou o primeiro lugar com 100% de aproveitamento entre as participantes do feminino. A enxadrista que é campeã Brasileira de Xadrez Escolar é beneficiada pelo programa Minas Olímpica Bolsa Atleta e faz parte do projeto Equipe Mineira de Xadrez patrocinado pela SEEJ. Outro integrante deste projeto é Gênesis Martins Borges  categoria, 6º e 7º ano também conquistou o 1º lugar com a totalidade dos pontos.

     Ana Clara - Campeã da Categoria C

(Foto: FMX)

                

                Participaram atletas de 8 a 18 anos das séries 1º ano fundamental até o 3º do ensino médio. Todos jogaram 5 partidas com o tempo de jogo de 15 minutos para cada jogador. Os competidores receberam medalhas do 2º lugar ao 10º, e troféu para os campeões das categorias. A arbitragem teve a supervisão de Wagner Terensi.

  

VEJA ABAIXO:

Resultados 

Fotos 

 

CAMPEONATO...

 

Crianças e jovens disputam mais uma

etapa do Circuito Mineiro Escolar

 

Na capital, evento conta com apoio da

Secretaria Estadual de Esportes (SEE)

III Etapa do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar realizado no 

dia 10 de março de 2011 no colégio Sagrada Família 

(Foto: FMX)

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRTJP:15.423-MG (SJPMG)

 

                Acontece no próximo dia 14 de Abril, a 4ª Etapa do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar. O evento ocorre no ginásio da Escola Municipal Mestre Ataíde, filiada a Federação Mineira de Xadrez (FMX), no Bairro Betânia, região Oeste de Belo Horizonte. O Circuito Mineiro de Xadrez Escolar é mais uma promoção da Federação Mineira de Xadrez do Projeto Xadrez nas Escolas, patrocinado pela Secretaria Estadual de Esportes e Juventude (SEEJ).

 

Os estudantes matriculados no ano de 2012 podem se inscrever nas categorias

Absoluto e Feminino divididas por séries em:

 

Categoria A -1ª, 2ª e 3ª

Categoria B - 4ª e 5ª

Categoria C - 6ª e 7ª

Categoria D - 8ª e 9ª

Categoria E - 1º 2º e 3º do Ensino Médio

 

                O tempo de jogo será de 15 minutos para cada jogador, num total de 5 partidas (todos disputarão 5 partidas independente do número de vitórias e/ou derrotas). Os alunos receberão troféus para os primeiros lugares de cada categoria e medalhas do 2º lugar até o 10º. As inscrições devem ser feitas através do site www.fmx.org.br no link Inscrição Online, mediante depósito no valor de R$ 2,00, pelo Bando Itaú- Agência 1582, Conta 04245-1 sendo o prazo até ás 12hs do dia 12/04.

 

Próxima Etapa- Circuito Mineiro de Xadrez Escolar - 12 de Maio

Dúvidas em contato@fmx.org.br

 

 

CIRCUITO MINEIRO...

 

 

Primeira etapa do Circuito Mineiro de

Xadrez Escolar é sucesso na capital Mineira

 

Meninas disputam competição entre

homens e são destaque na prova

 

Crianças disputam primeira etapa do ano (Foto: Frederico Gazel)

 

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof: DRTJP:15.423-MG (SJPMG)

Fotos: Frederico Gazel 

 

                Pais, professores e alunos promoveram no sábado (10), um encontro de xadrez pela primeira etapa do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar de 2012 realizada nas dependências da Escola Estadual Sagrada Familia, na região Leste de Belo Horizonte. Com muita descontração, aprendizado aliado a vontade de vencer, cerca de 130 crianças de 6 a 18 anos divididos em suas respectivas categorias, disputaram todos, 5 partidas para decidir o campeão. 

                A jovem Gabriela Angélica Marques  conquistou o 1º lugar no grupo E (1º a 3º ano do ensino médio) no naipe absoluto -aceita-se homens e mulheres-  somando 4 vitórias e um empate com o vice campeão Francisco Nogueira. Outro destaque foi a jovem Catarina Brandão de apenas 13 anos que conquistou também o 1 lugar isolado ao fazer 100% dos pontos na prova entre homens e mulheres do grupo D - 8ª e 9ª séries.

 

   Gabriela Marques conquista título entre homens (Foto: Frederico Gazel)

 

                Gênesis Martins Borges, da Escola Municipal Pandiá Calógeras também conquistou o primeiro posto na categoria 6ª e 7ª séries. O atleta faz parte da Equipe Mineira de Xadrez, projeto idealizado pela Federação Mineira de Xadrez e Secretaria de Estado de Esportes e Juventude (SEEJ) no ano passado. (Ver projeto). O evento contou com a presença do Ex- Presidente da Associação Mineira das Federações Esportivas (AMIFE), Paulo Sérgio de Oliveira, e a presidente da Federação Mineira de Xadrez, Luciane Sepúlveda Viana, que realizaram a premiação ao final. Os atletas foram premiados em troféus para os primeiros lugares e medalhas do 2º ao 10º de cada categoria.

 

Demais resultados podem ser visto no link aqui

Fotos do ginásio e premiação aqui

 

 

 

CAMPEONATO FEMININO

 

 

Pré Olímpico de Xadrez Feminino

é destaque em Minas

 

Na capital, mulheres disputam uma das

competições mais forte do país

 

Campeonato Pré-Olímpico de Xadrez Feminino 2011/2012,

Casa do Xadrez - Belo Horizonte

(Foto: Frederico Gazel)

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRTJP: 15.423 - MG (SJPMG)

Fotos: Frederico Gazel

 

                Terminou no último domingo (4) mais uma etapa do Campenato Pré-Olímpico de Xadrez Feminino do Brasil 2011/2012. O evento que começou na sexta (2) aconteceu em Belo Horizonte na Casa do Xadrez- Escola e Clube, e contou com quase 15 participantes de diversas partes do Brasil. O seleto grupo feminino trata-se das melhores jogadoras do país, dentre elas a Mestre Internacional Feminina (WMI) Joara Chaves, a Mestre da Federação Internacional (FIDE) Feminina e Campeã Panamericana, Amanda Marques Pereira e outras, Suzana Chang, e Paula Delai que também são Mestres da FIDE. Nem mesmo o forte calor em Belo Horizonte que beirava a casa dos 32ºC, ou mesmo as quases 3 horas por cada partida jogada, deixaram a disputa menos acirrada.

                A campeã da prova foi a jovem Vivian Heinrichs, 23 anos, - que conquistou recentemente o Campeonato Brasileiro Sub-26 feminino-, somou 5 vitórias e apenas uma derrota nas 6 partidas disputadas. Em 2º lugar, ficou a WMI Joara Chaves juntamente com a Candidata a Mestre (WCM) Vanessa Gazola que fezeram 4 pontos e meio, ambas invictas, 2º e 3º lugares. As mineiras que disputaram a competição foram: Carolina Fonseca Rodrigues,  a Candidata a Mestre (WCM) Fernanda dos Santos Rodrigues, Gabriela Angélica Marques, Catariana Brandão e Anna Carolina Campos.

 

WMI Joara Chaves 2º Lugar (esq.) Vivian Heinrichs (centro)

Campeã, e WCM Vanessa Gazola 3,º Lugar.

(Foto: Frederico Gazel)

 

                Para a Federação Mineira, esta foi uma grande oportunidade para o Estado. “Realizarmos um evento desta grandeza para nós é uma honra, e que muito vale para nossas atletas dando oportunidade para medir forçar com jogadoras tão técnicas elevando assim o xadrez no nosso Estado” disse a presidente Luciane Sepúlveda.

                Segundo a Confederação Brasileira de Xadrez (CBX), o objetivo deste circuito é apontar 5 das melhores enxadristas do país para compor a Equipe Olímpica Brasileira Feminina que representará o Brasil na Olimpíada Mundial de Xadrez deste ano, que tem local previsto em Istambul, na Turquia. Esta foi a 8ª etapa sendo a última a se realizar  de 22 a 25 de março em  São José do Rio Preto-SP (local ainda a confirmar).

 

Veja nos links abaixo:

 

Classicação do Torneio

 

Resultados do Circuito

 

Fotos

 

 

 

CIRCUITO MINEIRO DE XADREZ..

 

 

Circuito Mineiro de Xadrez Escolar

é o primeiro evento de xadrez do Estado

 

Federação inicia seu calendário na capital mineira

 

 

Final do Circuito Mineiro de Xadrez 2008/2009,

Mineirinho, Belo Horizonte

(Foto: FMX)

 

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof. JPDRT:15.423-MG (SJPMG)

 

                No dia 10 de Março, a programação anual do xadrez mineiro terá inicio com o Circuito Mineiro de Xadrez Escolar. O primeiro evento de xadrez do Estado em 2012, faz parte do projeto 'Xadrez Nas Escolas', que levou em sua etapa inaugural, mais de 1.500 crianças na fase final realizada no ginásio do mineirinho em Belo Horizonte em 2008. Com realização da Secretaria de Estado de Esportes e Juventude de Minas Gerais e Federação Mineira de Xadrez, o evento faz parte do 3º Ciclo que conta com 5 etapas para este ano. Na estreia, a Escola Estadual Sagrada Familia, localizada na região Leste da capital, abrigará o evento que contará com alunos divididos em masculino e feminino nas categorias :

 

A: 1º , 2º, 3º;  B-  4º e 5º; C- 6º e 7º D- 8º e 9º E- 1, 2, 3 Ensino Médio

 

            Para o Vice - Presidente de Xadrez Escolar do Brasil, e Psicólogo Julio Lapertosa, esta iniciativa já traz bons resultados e é um espelho para outros Estados. “Desde 2003 a Federação Mineira inseriu o projeto Xadrez nas Escolas, que deu oportunidade para jovens atletas e que com este esporte, agregam valores morais, éticos e de cidadania. Estes eventos escolares são de maior valia, e já são exemplos de programas para o país no esporte. A divisão de base não só tem o cunho educativo e pedagógico, mas também serve de alicerce para o xadrez competitivo”, salientou.

 

Criança olhando para o relógio de xadrez

enquanto espera seu adversário

         (Foto:  www.luismarcos.com.br )         

 

 

                 Os atletas terão 15 minutos (individuais) no cronômetro e disputarão 5 partidas para definir o campeão. Todas as categorias serão premiadas em: troféu para o 1º lugar e medalhas de 2º ao 10º lugares. A arbitragem está a cargo do Árbitro Wagner Terensi.

 

Traga seu filho, seu aluno e venha fazer parte desta festa do Xadrez  

 

Veja detalhes da incrição em: http://www.fmx.org.br/cariboost_files/cmxe_3_2012.jpeg

 

 

Veja também...

Curso Oficial de Instrutor e Treinador da Federação Mineira de Xadrez

Belo Horizonte – 21 e 22 de abril de 2012

Informações:  http://www.fmx.org.br

 

 

CHESS PRAGUE...

 

Enxadristas mineiros participam

do 11th International Chess Prague

 

Frederico Gazel e  João Paulo Cassemiro conquistaram

o 1º e 2º lugar na categoria Xadrez  Blitz do campeonato

 

FREDERICO GAZEL (direita) em uma de suas partidas em Praga

(Foto: Divulgação)

 

*Jornalista*

Felipe José de Jesus

Reg. Prof. DRT:15.263-MG (SJPMG)

Publicada em JEB e JCE

 

                Levar o xadrez além das fronteiras brasileiras e, mostrar, que o Estado de Minas Gerais tem atletas a altura para representar o esporte, mundialmente. Deste modo, a Secretaria de Estado de Esportes e Juventude de Minas Gerais (Seej), em parceria com a Federação Mineira de Xadrez (FMX), realizou uma seletiva com mais de 30 enxadristas no dia 3 de setembro de 2011. A premiação, levar os atletas para o ‘11th International  Chess Festival Prague’, na República Checa, em Praga. Os classificados foram: Gérson Peres, Lucas Crespo, Erlon Braghini, João Paulo Cassemiro, Arthur Chiari e Frederico Gazel. Além dos atletas, Luciane Sepúlveda, chefe de delegação e presidente da FMX e o técnico, Julio Lapertosa. Eles participaram do campeonato em Praga, do dia 12 a  22 de janeiro de 2012.

                Os recursos para a viagem foram liberados pela Lei Estadual de Incentivo ao Esporte da Seej. Em entrevista, Luciane Sepúlveda, presidente da FMX, diz que o campeonato, foi uma oportunidade de crescimento para os atletas. “Um grande momento para nossos atletas, que, além de conseguirem ótimas colocações nas categorias, Blitz, Rápido e Clássico, adquiriram experiência na participação em um torneio de alto nível técnico. Participações como essa, aumentam a disposição para o estudo, o que implica, necessariamente, crescimento no esporte. Digo, a parceria com a secretaria é importante demais para o xadrez de Minas”.

                Já para Frederico Gazel, professor e assessor da Federação Mineira de Xadrez (FMX), que conquistou o  1º lugar na categoria - Xadrez Blitz, da 11th International  Chess, a viagem serviu como um impulso para o crescimento profissional dos mineiros. “Foi uma ocasião única para o Estado de Minas Gerais. Uma seletiva com mais de 30 jogadores realizada através da Secretaria de Esportes, ou seja, os 6 melhores atletas participaram. Três de BH e três de São Sebastião do Paraíso. Um dos objetivos desta viagem foi o de elevar o nível do xadrez mineiro, fortalecer os jogadores daqui, prepará-los mais. Foi um campeonato pesado, pois a Europa é um continente que tem renome no xadrez. Mas mesmo assim, todos jogaram bem. Eu venci um mestre internacional e fiquei no 1º lugar na categoria Blitz”, diz.

                Gérson Peres, do site, Clube do Xadrez, que conquistou a 6º colocação na categoria Xadrez Rápido do campeonato, diz que, a colaboração da delegação foi unânime para os bons resultados. “A chefe da delegação Luciane Sepúlveda e técnico da equipe, professor Julio Lapertosa colaboraram  muito para o excelente desempenho da equipe. Iniciativas como a da FMX e da Seej, são fundamentais para o desenvolvimento do xadrez de alto nível em Minas. Dificilmente o atleta progredirá rapidamente e atingirá a maestria na modalidade se jogar só no Estado. É necessário que ele viaje e também vá ao exterior medir forças com outras escolas do xadrez mundial. Os enxadristas que compuseram a equipe na República Tcheca agregaram novos saberes ao seu jogo, fortalecendo o nível técnico”, afirma.

 

Competidores e metas >>

                Perguntado sobre como foi duelar com os estrangeiros, Frederico Gazel afirma que jogar com eles, foi uma forma de conhecer melhor as táticas dos atletas. Além disto, diz que sua meta de ser Mestre no Xadrez, não alcançada, será conquistada ainda este ano. “Aprendemos a  valorizar jogadores com menor expressão, aqueles que duvidávamos ter bom desempenho. Contudo, podemos chegar ao pé de jogadores muito bons. Eu não consegui alcançar os pontos para Mestre com esta competição, existe uma expectativa de todos, é uma aposta da Federação, pois estou próximo dos 2300 pontos. Contudo, com mais dedicação, até o fim de 2012, Minas terá um novo Mestre”.

 

Mineiros se destacam nas categorias >>

                Veja como foi o resultado dos mineiros que participaram da 11th International  Chess Festival, nas três categorias de xadrez: Blitz, Rápido, Clássico. No Blitz: 1º lugar, Frederico Gazel, em 2º, João Paulo Cassemiro, em 7º, Erlon Braghini e em  8º, Lucas Crespo.  No Rápido, em 4º lugar, Lucas Crespo,  em 5º, João Paulo Cassemiro e em 6º, Gérson Peres. No Clássico, em 26º posição, Lucas Crespo, entre 139 participantes do Grupo A.

VIAGEM...

 

Mineiros disputam competição na Europa

Atletas representam o Estado em evento internacional

 

*Por Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRT:15.423-MG (SJPMG)

 

                A delegação mineira de xadrez embarca na próxima quarta-feira (11) para a disputada do 11th International  Chess Festival  Prague , na República Checca. O evento começa no dia 12 de janeiro e tem programação até o dia 20 deste mês. Os competidores do estado fazem parte do projeto Equipe Mineira de Xadrez pela seletiva realizada no dia 03 de setembro do ano passado. Na seleção, classificaram os atletas Frederico Gazel, 24 Gérson Peres,38, Lucas Crespo, 21, Erlon Braghini,35, João Paulo Cassemiro,15 e Arthur Chiari, 14.

 

Os jogadores disputarão 9 partidas e podem concorrer a outro torneio de ritmo rápido (blitz)na metade da competição.

 

Além dos atletas, fazem parte da delegação oficial, a presidente da Federação Mineira de Xadrez e chefe de delegação, Luciane Sepúlveda, e o técnico da equipe, Julio Lapertosa.

 

 

“Acredito que será uma grande oportunidade para nossos atletas, não só como uma experiência de vida, mas sim, pela experiência no esporte “

 

Presidente Luciane Sepúlveda

 

Foto montagem - Créd. Frederico Gazel

 

Site oficial >>

http://czechtour.net/prague-open/

 

ANO NOVO...

 

Federação Mineira de Xadrez

termina ano com campeonato mineiro blitz

 

Último campeonato encerra atividades na Capital

 

Vereador Heleno Abreu entregando diploma de Honra Ao Mérito

a presidente Luciane Sepúlveda Viana  (Foto: FMX)

 

*Jornalista (JP)*

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRT:15.423-MG

(SJPMG)

 

                Chegou ao fim o calendário mineiro de xadrez. No último final de semana, do ano que antecede a véspera natalina, foi realizado o Campeonato Mineiro de Xadrez Blitz (competição mais rápida da modalidade).O campeão da prova foi o jovem Frederico Gazel, que somou 10 vitórias e um empate das 11 partidas jogadas. Com um tempo de jogo inédito no xadrez mineiro, os jogos foram programados em 3min + 2seg. de bônus (para cada movimento). Muitos jogadores acharam difícil e ao mesmo tempo inovador. “Achei uma novidade. Um tempo que exige mais concentração e atenção do jogador. Eu , particularmente tive dificuldade pois é um tempo que em Minas, nós jogadores não estamos acostumados a jogar, mesmo nas partidas rápidas em que estamos habituados a jogar são 5min e sem bônus”, disse Lucas Crespo de Oliveira, 3º lugar do Campeonato Mineiro Blitz.

                A competição teve inicio ás 10hs de domingo, (18), nas dependências do SESI Comar, localizado na região Oeste de Belo Horizonte.

Segundo a Federação Mineira de Xadrez (FMX), esta foi a última atividade do Estado no xadrez. “Acredito que cumprimos nosso calendário e realizamos todas as competições previstas, e tenho certeza que os enxadristas mineiros estão contentes. Foram muitas competições e diversas com premiações”, garantiu a presidente Luciane Sepúlveda.

 

Balanço >>

                A presidente afirma ter sido um ano muito bom para a Federação e para o xadrez como esporte. “Realmente promovemos muitas coisas este ano. Um ano muito bom, tivemos um sucesso no número de torneios oficiais, conseguimos premiação atraentes para os quase 40 torneios realizados beirando R$20mil, foram muitas conquistas”, ressaltou Luciane. Sobre os projetos realizados em 2011, a Federação deu continuidade ao projeto Xadrez nas Escolas e firmou nova aliança para o ano seguinte. Inseriu um programa inovador no Brasil, com parceria da Secretaria de Estado de Esportes e Juventude (SEEJ), que deu inicio a ao projeto Equipe Mineira de Xadrez. Dois atletas mineiros foram beneficiados pela bolsa atleta estadual, por conquistar títulos de renome estadual e nacional. Tamanhas benfeitorias realizadas este ano, rendeu a FMX uma homenagem Câmara Municipal de BH, um marco histórico dos 75 anos de instituição. Já na parte técnica, além de atletas campeões brasileiros em respectivas categorias, dois atletas foram agraciados com títulos de mestres da Federação Internacional de Xadrez (FIDE).

Luciane Sepúlveda e Frederico Pessoa (SEEJ)- Seleção para o projeto

Equipe Mineira de Xadrez 03/Setembro (Foto: FMX)

 

 

Ano Novo >>

                Para o novo ano, a presidente Luciane já destaca as atividades. “Vamos continuar com o programa do Circuito Mineiro de Xadrez Escolar e com isso daremos oportunidade ao xadrez de base. Paralelamente, também com o programa da Equipe Mineira de Xadrez que temos como foco principal elevar o nível técnico de nossos atletas” conclui.

CAMPEONATO..

 

 

Em disputa, o Campeonato Brasileiro de Xadrez

 

Mineiro de 19 anos está entre os melhores do país

 

 

*Jornalista (JP)

Frederico Gazel

Reg. Prof. DRT:15.423-MG (SJPMG)

 

                Teve início no dia 10 de dezembro, o 78º Campeonato Brasileiro de Xadrez. A competição mais esperada do ano, esta sendo realizada na cidade de Campinas-SP e tem prazo final para o dia 20. Na prova, as preparações de jogo vão desde estudos dos adversários, ou até na preparação psicológica e física antes mesmo da competição. Em jogo, as mais de três horas de partidas acirradas devem apontar o campeão nacional deste ano em 11 confronto no sistema shüring (todos contra todos).

                Dos 12 atletas que brigam pelo título, somente feras estão na briga, Mestre FIDE, Mestre Internacional e Grande Mestre Internacional.

O mineiro Evandro Amorim Barbosa tem apenas 19 anos, mas conquistou recentemente o título de Mestre Internacional da FIDE (2ª graduação).

                O ex-campeão mineiro conseguiu a vaga pela primeira vez na fase Final do Campeonato Nacional e briga por um título para o Estado de Minas que não acontece desde 1972.

 

 Mineiro e Mestre Internacional Evandro Amorim Barbosa x Grande Mestre

Krikor Mekhitarian (foto: Danilo Epitácio)

 

 

<< Veja quem são os finalistas do campeonato mais forte do país  >>

(adaptado: chess-result)

 

A premiação total da competição está cifrada em R$15mil , distribuídos em:

: R$ 3.500, : R$ 2.500, : R$ 2.000, : R$ 1.500, 5º: R$ 1.000,

: R$ 900, : R$ 800, : R$ 700, : R$ 600, 10º R$ 500, 11º R$ 500,

12: R$ 500

 

Os resultados podem ser vistos em:

http://chess-results.com/tnr61504.aspx?art=2&lan=1&turdet=YES

 

Partidas em:

http://chess-results.com/partieSuche.aspx?art=4&tnr=61504&rd=5&lan=10

 

<< Veja a reportagem da EPTV sobre o evento >>

 

MUNDIAL...

 

 

Mundial de xadrez acontece no Brasil

 

Jovens do mundo inteiro estão na prova mais

importante do ano na categoria

 

Salão de jogos - Mundial de Xadrez da Juventude (Foto: FMX)

 

Por: Jornalista (JP)

Frederico Gazel

DRT:15263-MG (SJPMG)

 

                Para muitos é classificado como um evento, outros consideram um espetáculo a parte. Não é um show, mas uma mega estrutura está montada em nosso país. Os holofotes estão acessos para o Campeonato Mundial de Xadrez de Juniores. Em disputa desde o dia 17 de novembro, 1061 crianças, sendo 451 mulheres estão confinadas no campeonato mais importante do ano. No Brasil, na cidade de Caldas Novas em Goiás, 78 países das mais diversas regiões do mundo têm seus representantes mirins na disputa. O favoritismo sempre esteve nos países da antiga URSS Índia e China que hoje detêm notáveis destaques no xadrez. No entanto, o Brasil está muito bem representado, com campeões pan-americanos e jovens mestres do esporte.

                Pela primeira vez na América do sul, o campeonato mundial de jovens tem  categorias divididas em sub-8, sub-10, sub-12, sub-14, sub-16, sub-18 no feminino e no absoluto (aceito homens e mulheres juntos). Os “pupilos” jogarão 9 partidas para definir o campeão de suas categorias e muitas, mas muitas jogadas a prova das 5horas (média) de partida. A cada dia jogo novo, sendo um dia de rodada dupla e um dia de folga.

                A busca pelo título de campeão já seria para estas crianças uma glória no esporte, entretanto, para os atletas das categorias sub-16 e 18 a premiação é ainda mais importante. Além dos troféus e medalhas é concedido aos jovens campeões o título vitalício de Mestre FIDE- primeira graduação do esporte.

Delegação da Equipe Mineira de Xadrez  

 

              Brigando por estas conquistas, está a delegação do projeto da Equipe Mineira de Xadrez com os integrantes: Mariana Teixeira, Igor Esteves, Fernanda Rodrigues, Gabriela Marques, Ezequias Pereira, Amanda Cordeiro, Flavio Borges, Marina Martins, Lucas Rocha, Ana Clara Gonçalves. Ainda sim, outros atletas completam o seleto time mineiro: Luiz Antonio Arruda, Caíque Reda, Arthur Chiari, Gabriel Gonçalves, João Paulo Cassemiro, Marcus Vinicius,Lucas Leus,Victor , Enzo Emanuel Fontes, Pedro Henrique Estanislau.

                Com o clima muito quente e a inscrição que não agradou aos “olhos dos pais”,  a maior queixa por parte das delegações é o acesso as partidas dos atletas. “Minha única queixa com o Mundial até agora é que os treinadores não têm acesso ao salão de jogos nem a uma área na qual possamos ver as partidas. E nem todas as partidas têm transmissão, assim ficamos totalmente no escuro”, disse Rafael Leitão, Grande Mestre de Xadrez e Treinador de um dos atletas. O evento termina no dia 27, e pode ser acompanhado através do site criado especialmente para o evento em http://www.wycc2011.com/

   

 

UM JOGADOR...

 

 

Top 3 do xadrez nos anos 70,

Mequinho reza para voltar ao topo

 

Mequinho segura imagens de santos (Gustavo Guatelli - Folha Press)

 

 

*Jornalista (JP)

CAROLINA ARAÚJO

Jornal Folha de São Paulo
ENVIADA ESPECIAL A TAUBATÉ

 

                A rotina de Henrique da Costa Mecking, o Mequinho, 59, enxadrista que chegou a ser o terceiro melhor do mundo nos anos 70, está longe da agitação da época em que desfilava em carro aberto no Rio e era convidado para o programa do Chacrinha.  Hoje, o que move o jogador todos os dias são duas refeições, seis remédios homeopáticos, uma missa e horas de oração e estudo de xadrez. Mas, entre os tempos de herói nacional e a vida tranquila atual, o desejo de voltar a estar no topo do ranking mundial liga as duas épocas. "Se eu chegasse de novo a ser um dos melhores, o país inteiro teria de me apoiar."

 

Em uma partida (Fred Chalub - 20.nov.2009/Folhapress)

 

                Mequinho vive hoje em Taubaté (140 km de São Paulo), em um apartamento de dois quartos e poucos móveis comprado no início do ano. Mora com Tiago Pereira Rodrigues, 23, 203º lugar no ranking nacional, a quem apresenta como seu treinador e assessor nos treinos.  Sai pouco. Seu compromisso diário mais rígido é ir à missa --frequenta três paróquias diferentes--, hábito que segue mesmo quando disputa algum campeonato fora da cidade. Neste ano, jogou poucos. Lembra-se de um em Campinas, um na Espanha e outro em Santo André. Mequinho se recusa a viajar para vários países, como a Rússia, um dos principais polos do xadrez mundial e de onde vieram alguns de seus maiores rivais nos anos 70.

                "Há muitos lugares a que não quero ir. Só jogo em países em que me sinta bem pela situação política e religiosa, em que os cristãos não sejam perseguidos, onde haja liberdade e democracia."

                Na próxima semana, estará em Mogi das Cruzes, nos Jogos Abertos do Interior, disputa entre cidades --defende São Bernardo do Campo. Não revela quanto ganha para isso. Os melhores jogadores brasileiros costumam receber cerca de R$ 2.000 mensais. Aumenta sua renda com palestras e simultâneas, eventos em que enfrenta vários rivais ao mesmo tempo. Além do apartamento onde vive, tem um carro. Dinheiro, afirma, não é um problema.

                "Gasto pouco. Minha casa é simples, e não me interesso por móveis ou roupas luxuosos. Aprendi que é mais fácil ir para o céu de uma cabana do que de um palácio."

 

DOENÇA >>

                Mequinho descobriu a religião na época em que se afastou do esporte que o consagrou. O motivo foi a miastenia grave, doença que afeta os músculos e que foi detectada no auge da carreira. Em 1978, o gaúcho era o terceiro colocado do ranking da Fide (Federação Internacional de Xadrez), atrás dos russos Anatoly Karpov e Viktor Korchnoi (que, posteriormente, naturalizou-se suíço). Mas a miastenia o fez abandonar os tabuleiros. No pico da doença, quando não tinha forças para mastigar ou escovar os dentes, Mequinho entrou para o movimento católico Renovação Carismática. Nos anos seguintes, formou-se em teologia e filosofia, tentou ser padre ("Mas vi que não era esse o caminho"). E afirma que um milagre o levou à cura da doença.

                Hoje, diz estar "quase bom". Reclama de cansaço, especialmente quando joga xadrez --voltou definitivamente ao esporte em 2000. Se está disputando um torneio, acrescenta mais um remédio homeopático a seu arsenal diário. Já a alimentação é sempre a mesma: duas vezes por dia, só alimentos naturais e sem tempero. Mequinho diz que só vai se curar totalmente "quando Jesus quiser". Mesmo assim, afirma estar "muito vivo". "Vou fazer 60 anos agora [em janeiro]. Muita gente não me dá essa idade e diz que eu tenho dez, 15 anos a menos."  As orações, segundo o enxadrista, não curaram apenas a miastenia. Enumera outros episódios que ocorreram após "rezar muito": a redução do grau da miopia, o conserto da sua geladeira ou a cura de uma fratura no dedo.

               "Há jogos em que estou para perder, e Jesus e Nossa Senhora me salvam. Claro, nem sempre escapo, senão já seria o campeão do mundo." O temor da derrota influencia até sua relação com os fãs. Não aceita dar autógrafos em planilhas de xadrez, onde são anotados os lances das partidas. "Tenho medo de que alguém bote lá que eu perdi." Com a cura total da doença, espera voltar a estar entre os melhores do mundo. "Se eu disser que Jesus me curou e for o último em um torneio, não vão acreditar em mim."

                Mas o topo do ranking mundial está distante. Mequinho é o 253º da lista, com 2.590 pontos, e o quarto colocado entre os brasileiros. Nos últimos dois anos, afirma ter subido 48 pontos no ranking. Faltam hoje 236 pontos para igualar o número um, o norueguês Magnus Carlsen, 20. O brasileiro, porém, não usa a matemática e a lógica, mas a religião, para explicar como alcançará a façanha. Com relatos de aparições de Nossa Senhora em Medjugorje, na Bósnia, passagens bíblicas e a proximidade do "final dos tempos", diz como será a nova ascensão no xadrez.

 

POLÍTICA >>

                Do tempo em que era o terceiro melhor do planeta, feito nunca repetido no país, restaram lembranças do regime militar, que transformou Mequinho em herói nacional. O enxadrista elogia o ex-presidente Emílio Garrastazu Médici (1969 e 1974), líder dos anos de chumbo da ditadura. "O presidente Médici me ajudou muito. Era um homem inteligente, gostava de esporte. Em 1970, pedi a ele um cargo para deixar a faculdade em Porto Alegre, só jogar xadrez e tentar ser campeão do mundo. Ele disse: 'Sim, vou resolver seu problema'." Mequinho foi nomeado no Ministério da Educação e se mudou em 1971 para o Rio. No ano seguinte, tornou-se o primeiro grande mestre do país, em 1972, aos 19 anos, feito que o levou a desfilar pela cidade em carro de bombeiros com a bateria da Mangueira e a torcida do Flamengo.

                Ainda ganhou dois importantes torneios da época, os Interzonais de Petrópolis (1973) e Manila (1976). Suas partidas saiam nos jornais. Mas Mequinho, testemunha da influência que a Guerra Fria tinha sobre a elite do xadrez, também reclama das pressões daquela época. "Os melhores do mundo sofrem uma perseguição muito grande. Veja o quanto o [Bobby] Fischer sofreu", diz, citando o americano, morto em 2008, que encerrou a hegemonia soviética ao virar campeão mundial em 1972. Após virar símbolo dos EUA na Guerra Fria, Fischer abandonou o xadrez em 1975. Como Mequinho, tentou voltar décadas depois. Sem o mesmo sucesso de antes.

 

 

SIMULTÂNEA ...

 

 

Federação Mineira de Xadrez realiza oficina na

Câmara Municipal de BH

 

Vereador Heleno (ao centro) jogando o desafio de xadrez na Câmara

Municipal com o campeão mineiro Frederico Gazel

 

 

Matéria / fotos e vídeo:

Assessoria do vereador Heleno Abreu

 

                O almoço dos vereadores, assessores e funcionários da Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) desta sexta-feira, 28 de outubro, foi mais divertido. Uma clínica de xadrez foi realizada no espaço Ferrarinha, anexo ao restaurante da CMBH. Além de conhecer as regras e movimentos básicos do esporte os participantes participaram de uma simultânea com o campeão mineiro de xadrez, Frederico Gazel. Para o atleta a clínica é uma oportunidade de divulgar o esporte. "Nesse trabalho nós ensinamos o básico para que a pessoa possa movimentar as peças no tabuleiro", explicou Gazel.

                Para a presidente da Federação Mineira de Xadrez, Luciene Sepúlveda, trazer o xadrez para a Câmara ajuda a mostrar o potencial que o esporte tem para as escolas da cidade. "O xadrez escolar é interessante porque traz benefícios como memória, concentração, fluidez de raciocínio. Isso tudo a criança começa a trabalhar de forma lúdica e leva para a vida toda", disse a presidente.


<<  HOMENAGEM >>

                O vereador e grande incentivador do xadrez, Heleno Abreu convidou a FMX para a realização da oficina. O evento é uma espécie de aquecimento para a homenagem que a CMBH fará na próxima segunda-feira, 31 de outubro, a Federação Mineira de Xadrez. Para o parlamentar a clínica na sede do legislativo municipal é uma "oportunidade das pessoas terem contato com o xadrez. O esporte pode e deve ser inserido em vários espaços como escolas, trabalho, praças públicas por causa dos benefícios já comprovados que ele proporciona", salientou o vereador.

 

<< VEJA O VÍDEO DA OFICINA >>

 

 

<< Deixe seu comentário no site >>

 

NOVIDADES...

 

 

Grande Mestre de Xadrez é eleito presidente da

Associação Brasileira de Esportes Intelectuais

 

A Associação Brasileira de Esportes Intelectuais é fundada e

Brasil se torna candidato a sediar os Jogos Mundiais em 2016

                                                                                             

Darcy Lima, Grande Mestre de Xadrez (dir.)

sendo eleito presidente da ABRESPI

 

 

Fonte>> 

Release distribuído pela Abrespi

Fotos: Divulgação Abrespi

               

                Os esportes intelectuais ganharam sua representação nacional no Brasil. Foi fundada a Abrespi, Associação Brasileira de Esportes Intelectuais, que tem como filiadas as Confederações Brasileiras de Xadrez, Damas e Brigde, da Associação Brasileira de GO e a Confederação Brasileira de Texas Hold’em, com o pôquer. A criação da Abrespi, presidida pelo Grande Mestre Internacional de Xadrez, Darcy Gustavo Machado Vieira Lima, marca ainda o lançamento da candidatura do Brasil à sede dos Jogos Mundiais, que serão disputados em 2016. A Abrespi é filiada a IMSA (International Mind Sports Association) que é alinhada ao Movimento Olímpico, COI e Sport Accord, e trabalha com ONU e UNESCO para o desenvolvimento integral da pessoa humana que os esportes intelectuais também sirvam de instrumento de promoção da paz.

                O Brasil será o epicentro do esporte mundial nos próximos anos e a IMSA (International Mind Sports Association) estabeleceu como prioridade a fundação da ABRESPI para garantir o reconhecimento, desenvolvimento e promoção dos esportes intelectuais no Brasil, além de promover as Federações Internacionais de cada modalidade no país. Os membros fundadores da IMSA são: Federação Mundial de Bridge (WBF), Federação  Mundial de Xadrez (FIDE), Federação Mundial de Damas (FMJD) e Federação Internacional de Go (IGF), modalidades que reúnem 400 Federações Nacionais e mais de um bilhão de jogadores.

 

Presidentes de Federações Brasileiras de Esportes Intelectuais

                

                 “A Abrespi tem como finalidade fazer com que as Confederações filiadas aumentem seu espaço no cenário esportivo e educacional brasileiro. Queremos ser agentes de educação e inclusão social e, para isso, a criação da Associação é fundamental, assim como a filiação ao órgão internacional que rege os esportes intelectuais, a IMSA”, destacou o presidente Darcy Lima. A primeira edição dos Jogos Mundiais de Esportes Intelectuais foi organizada pela IMSA em 2008, na cidade de Pequim, China, em concordância com o Comitê Olímpico Internacional, tendo o presidente do COI, Jaques Rogge, no Comitê de Honra. Disputaram os Jogos equipes de 140 países, reunindo um total de 2.736 atletas, durante duas semanas A cidade sede da segunda edição dos Jogos Mundiais de Esportes Intelectuais, realizados de 11 a 24 de agosto de 2012, será anunciada em Londres, em 17 de novembro.

                Os Jogos Intelectuais desenvolvem habilidades como concentração, reflexos rápidos, ginástica mental, disciplina, fair play, competitividade, treino e inteligência emocional. Seus benefícios podem ser atestados na área dos esportes, educação e saúde. As diversas modalidades funcionam como ferramentas utilizadas por escolas para estimular comportamento, memória, estruturação do pensamento lógico, além de técnicas de cálculo e probabilidades. Os jogos intelectuais são ensinados não só em colégios ao redor do mundo, como também fazem parte da grade de várias universidades de ponta.
                Se a atividade física é uma necessidade fundamental para os seres humanos, o mesmo pode ser dito sobre a atividade mental, que é um complemento indispensável ao bem estar. Os esportes intelectuais são uma excelente ginástica mental para homens e mulheres de todas as idades e, segundo um estudo preliminar feito por pesquisadores da UC Berkeley, melhoram o sistema imunológico.

 

 

<< Leia também >>

 

http://www.lancenet.com.br/minuto/Entidades-criam-associacao-esportes-intelectuais_0_563943737.html

 

http://esportes.opovo.com.br/app/esportes/maisesportes/2011/09/30/noticiasmaisesportes,2216192/entidades-criam-associacao-de-esportes-intelectuais.shtml

ENCONTRO...

 

 

Melhores jogadores de xadrez

do mundo estão no Brasil

 

Um dos maiores eventos da elite do xadrez acontece em São Paulo

 

Grand Slam- São Paulo-SP - ( Divulgação)

 

 

Jornalista (JP)

Frederico Gazel

__________________

*DRT:15423-MG (JP) (SJPMG)*

Fotos: Divulgação

 

 

                Começou na tarde desta segunda-feira, um dos maiores embates já visto na história do xadrez no Brasil. Trata-se dos melhores enxadristas do mundo, que vieram disputar o Grand Slam de Xadrez no país. Depois da ilustre visita do multi-campeão e lendário Garry Kasparov, o Brasil recebe, sem dúvida alguma, um dos eventos de maior destaque internacional, e de altíssimo nível técnico. No parque Ibirapuera, em São Paulo capital, acontece a primeira fase da final  do curcuito internacional, que deu início no dia 26 deste mês indo a 1º de outubro. Já a segunda fase do torneio esta, marcada para os dias 5 a 11 de outubro em Bilbao na Espanha.

                Realizado em várias cidades do mundo, o Grand Slam de Xadrez faz parte de uma série de torneios internacionais, com participação dos melhores jogadores da atualidade. Para chegar ao Brasil, os classificatórios para esta etapa passaram pelas cidades de Sofia,(Bulgária), Wijk ann Zee (Holanda), Nanjing (China), Linares (Espanha) e Bazna (Romênia).

                Os atletas renomados fazem parte da elite do xadrez internacional. São eles: o atual campeão do mundo, o indiano Viswanathan Anand, 41; o número 1 do ranking internacional, o norueguês Magnus Carlsen de apenas 21 anos, o Armênio Levon Aronian, 28, (3º ranking) o ucraniano Vassiky Ivanchuk, 42, (7º ranking)  o americano Hikaru Nakamura, 23,(12º ranking) e o espanhol Francisco Vallejo Pons, 29,(28º ranking). As partidas acontecem de segunda a sábado, com intervalo na quinta-feira, sendo todos atletas enfrentando a todos às 15hs. No local do evento, os grandes mestres ficam numa sala de vidro, que dá total segurança e concentração para realizarem suas partidas que duram em média 4 horas por jogo.

                Com entrada franca, o público poderá ver as “estrelas” em ação, e ainda sim, participar de uma série de atrações durante o dia, com torneios, partidas simultâneas com mestres do Brasil (jogador enfrentando cerca de 30 ao mesmo tempo) dentre outras atividades.

Internautas do mundo inteiro poderão assistir às partidas da Final do  Grand  Slam de Xadrez em tempo real através do site http://www.grandslamdexadrez.com.br criado especialmente para o evento.

 

<< Ajuda >>

                Para o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, trazer este evento para o Brazil ajudou em especial as crianças. “O torneio famoso é reconhecido por todos como um dos mais importantes no campo do xadrez”, afirmou Kassab. “No campo do esporte, a organização do Grand Slam vai levar a um grupo importante de jovens que aqui em São Paulo praticam xadrez a oportunidade de participar de um certame que tem cada vez mais tradição, um certame que ajuda o desenvolvimento da mente, até porque o xadrez reconhecidamente é um dos principais esportes no que diz respeito ao desenvolvimento da inteligência, em especial das crianças”, declarou o prefeito.

 

Anand, Atual Campeão do Mundo x Gilberto Kassab, prefeito de SP

 

 

                Primeiras cenas do Grand Slam de Xadrez em São Paulo. Imprensa, curiosos e aficionados esperando a saída das maiores estrelas do xadrez mundial.

 

<< Veja o vídeo >>

 

 

<< Veja mais >>

Site oficial do torneio (em português)

http://www.grandslamdexadrez.com.br

Veja também

http://www1.folha.uol.com.br/esporte/980702-duelo-mais-esperado-do-xadrez-acontece-nesta-segunda-feira.shtml

 

Deixe seu comentário no site. Um abraço e até a próxima coluna amigos leitores.

Att, Frederico Gazel

Jornalista (JP)

O MESTRE NO BRASIL...

 

 

Jô Soares entrevista um dos maiores

 ídolos do xadrez mundial

 

 

Jornalista (JP)

Frederico Gazel

DRT:15423-MG (JP) (SJPMG)

Nota especial 

                

                Desde sua primeira visita ao Brasil este ano, em 29 de agosto, em Brasília (DF), Garry Kasparov segue sua programação de palestras, cursos e seminários no país.

                O multi-campeão participou na noite do dia 2 deste mês do programa do Jô. O russo apresentou um de seus projetos para a difusão nas escolas brasileiras, que faz parte da “Kasparov Chess Foundation” e tem planos para fevereiro do ano que vem ser instalada em São Paulo, Capital.

 

<< Veja esta e outras curiosidades na entrevista que o mestre concedeu a Globo >>

 

 

<< Kasparov em São Paulo (Globo News) >>

  

A Globo News destaca o I Seminário de Xadrez da Rede Municipal de Ensino de São Paulo, que contou com a presença de um dos maiores nomes da história mundial do xadrez, o russo Garry Kasparov. O evento reuniu especialistas na área para discutir os aspectos lúdicos, pedagógicos e científicos do enxadrismo. O seminário foi realizado no Auditório Elis Regina, no Anhembi. 

 

 

 

<< Kasparov Desafiando alunos em São Paulo (Band) >>

 

Em São Paulo, o russo Garry Kasparov desafiou de uma só vez, cerca de 20 alunos da rede pública de ensino.

 

  

<< Veja também Kasparov em Brasília (TV senado) >>

 

A importância do xadrez para o desenvolvimento dos alunos nas escolas. A prática do esporte e o uso dele para auxiliar na educação foi um dos temas defendidos no encontro que reuniu o ex-campeão mundial do esporte, Garry Kasparov, em Brasília. No evento, alunos de escolas públicas, autoridades e enxadristas brasileiros participaram de uma simultânea do jogo com o maior campeão mundial da história do xadrez. 

 

 

 Deixe seu comentário.

 Abraços e até a próxima matéria leitores.

Att, Frederico Gazel (Jornalista)

 

MINAS EM FOCO..

   

 

Federação seleciona atletas para

representar Estado em torneios internacionais 

 

Na capital mineira, competição aponta seleção dos

melhores enxadristas de Minas Gerais

 

 

  

Jornalista - (JP)

Frederico Gazel

DRT:15423-MG (SJPMG)

Matéria especial

 

                Muito mais do que um simples campeonato, este sem dúvida foi um dos eventos mais importantes já promovidos pelo xadrez mineiro. Em dois dias de competição, a Federação Mineira de Xadrez (FMX) realizou a partir do dia 3 deste mês a seletiva da Equipe Mineira de Xadrez. Com o objetivo de selecionar os melhores atletas para representar o Estado, a FMX destacou atletas em sub-10, 12, 14, 16, 18 nos naipes masculino e feminino e 6 atletas na categoria adulto, contabilizando 16 integrantes oficiais de Minas Gerais na modalidade. O evento aconteceu na quadra esportiva da Escola Municipal Mestre Ataíde, no Betânia em Belo Horizonte.

                Na abertura do evento estiveram presentes, a Presidente da FMX, Luciane Sepúlveda e o representante da Secretaria de Estado de Esportes e Juventude (SEEJ), Frederico Pessoa, juntamente com o vereador Heleno Abreu prestigiando o evento. Segundo a Presidente, o programa Equipe Mineira de Xadrez é uma seqüência, uma continuação do projeto Xadrez nas Escolas. “Neste projeto de Xadrez nas Escolas, sentimos a necessidade de selecionar atletas que já estavam aptos a competições, mas ainda necessitavam de treino, para trazer titulações internacionais para Minas Gerais. E, na viabilização deste treinamento, contamos com o apoio da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude” garantiu Luciane Sepúlveda, Presidente da FMX.    

 

 

Na ordem: Luciane Sepúlveda, Erlon Cesar Braghini, Gerson Peres Batista, Julio Lapertosa, João Paulo Cassemiro Marques, Arthur Gontijo Chiari, Frederico Gazel e Lucas Crespo de Oliveira

 

 

<< PREMIAÇÃO >>

                A Equipe Mineira de Xadrez é um projeto que tem amparo na Lei de Incentivo ao Esporte, da qual o Deputado Estadual João Leite é o autor. O convênio foi estabelecido entre a FMX e a Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude e prevê a utilização dos recursos na contratação de 647 horas-aula de treinamento de instrutores, mestres e grandes mestres. Ainda assim, nos custeios de passagens, inscrições, alimentação, transportes e hospedagens nos eventos estabelecidos pela Federação de Xadrez. Dois dos eventos já têm data marcada para 17 a 27 de novembro , em Caldas Novas em Goiás onde acontece o Campeonato Mundial de categoria de base e em janeiro de 2012, em Praga, na República Tcheca, para a equipe adulta.

 

<< O TORNEIO >>

                O torneio teve inicio na manha do dia 3(sábado) terminando na tarde do dia 4(domingo) e contou com mais de 60 participantes divido em suas categorias. Num ritmo de jogo inédito no xadrez do Estado, com tempo de jogo de 25min + 10 segundos de bônus para cada jogador, alguns tiveram dificuldade quanto às partidas. Além de se concentrar no jogo, a pressão no relógio, as emoções e a adrenalina tomaram conta em toda a parte do evento. Na categoria adulta (absoluto), a cada partida jogada e vencida não era sinônimo de dever cumprido.

                Outros resultados transformavam a decisão ainda mais competitiva e acirrada por parte dos atletas. As lutas e esforços dentro do tabuleiro foram mostrados até a última partida quando a cada ponto feito, ou mesmo empate, valia ouro. Participantes de várias regiões do estado estiveram presentes como, São Sebastião do Paraíso, Nova Resende, Muzambinho e outras.

                Ainda na categoria adulta, dos 6 atletas que garantiram vaga na equipe   dois são muito jovens: João Paulo Cassemiro Marques, 15 anos de São Sebastião do Paraíso e Arthur Gontijo Chiari, 14 anos, de Belo Horizonte que disputaram na categoria acima mostrando que xadrez não tem idade. Para o jovem João Paulo, esse projeto apresenta melhores resultados do que a premiação em dinheiro. “É uma premiação muito boa, pois nos incentiva muito a obter melhores resultados no xadrez, já que quando a premiação é em dinheiro, não visamos tanto usar esse dinheiro exclusivamente no nosso treinamento” afirmou o enxadrista.

               Os demais classificados na categoria adulta foram: Erlon Cesar Braghini,35 anos de S.S. Paraíso; Gerson Peres Batista, 32, também de S.S. Paraíso Frederico Gazel, 24, de Belo Horizonte e Lucas Crespo de Oliveira, 21, de Belo Horizonte.

 

Abaixo, os campeões categorias de base:

 

Sub-18:

Masculino – Gabriel Marques Pereira;

Feminino – Mariana Ribeiro Teixeira.

 

Sub-16:

Masculino – Igor Silva Mota Esteves;

Feminino – Fernanda Rodrigues dos Santos.

 

Sub-14:

Masculino – Ezequias Morais de Lima Pereira;

Feminino – Amanda Cordeiro.

 

Sub-12:

Masculino – Gênesis Martins Borges;

Feminino – Marina Martins de Aguiar.

 

Sub-10:

Masculino – Lucas Pereira Rocha;

Feminino – Ana Clara Silva Gonçalves.

 

Outras informações podem ser vistas em www.fmx.org.br